quinta-feira, 23 de setembro de 2010

CaRIOcas - a primeira série de tv gay brasileira

Ainda que seriados com temática homossexual não sejam novidade nenhuma na TV paga – basta lembrar de títulos consagrados como “The L. Word” e “Queer as Folk” -, o Brasil, conhecido como o país da permissividade sexual, até hoje não recebeu seu exemplar tupiniquim do gênero.

Mas não é por falta de esforço. Desde o ano passado, o diretor carioca André Mello tenta angariar fundos para produzir o seriado gay “caRIOcas”. Após um período de contato com emissoras do país, Mello se deparou com uma certa resistência sobre a temática. Para não deixar o projeto morrer, acaba de abrir uma campanha na internet visando à arrecadação de fundos para a gravação dos 15 episódios, que serão exibidos inicialmente na web.

Ambientado na Cidade Maravilhosa, “caRIOcas” narra a história de Rodrigo (interpretado por Mello), que volta ao Brasil após uma temporada em Los Angeles e se depara com o preconceito por orientação sexual. Segundo o diretor, o roteiro tenta fugir tanto dos estereótipos presentes na TV aberta, quanto da imagem cristalizada do gay da zona Sul carioca.

“A série tem personagens de várias raças e classes sociais. Um deles é do subúrbio do Rio e seus problemas são diferentes dos que moram na zona Sul. Por isso, é importante incluir em vez de excluir, para que se entenda melhor como outras pessoas vivem e quais são seus desafios”, diz.

Cinco dos 15 episódios já foram gravados e contam também com outros atores já conhecidos na TV, como Marcello Melo Jr., o Benê de “Viver a Vida”, e Sérgio Menezes, que vive Diogo em “Bela, A Feia”.

Além do protagonista, a série tem como personagens centrais um jogador de futebol que não se assume por medo de perder patrocínio (SOU TRICOLOR DE CORAÇÃO...) e um jovem expulso de casa por ser gay. O diretor conta que haverá também personagens transexuais na série, numa tentativa de torná-los menos marginalizados.

“Infelizmente, a maioria das pessoas ainda acredita que ser gay é somente festa e esquece da realidade depois e antes da parada gay e do Carnaval. Como é a vida da população gay no mercado de trabalho, a relação com a família, as relações pessoais, isso é o que mais me interessa”.

Acho positiva uma série de tv nacional com essa temática, afinal, nas novelas, filmes, quadrinhos, séries, no MDM e na vida real gays não são nenhum segredo ou ser de outro planeta. Torço para que os problemas e os prazeres de se ser um homossexual sejam bem retratados com fidelidade sem apelação ou estereótipos, os programas de humor e o BBB já fazem isso e perdeu a graça faz tempo. Apesar de o trailer ter me deixado com o pé atrás por causa de algumas atuações. A excessiva exposição de pele pode indicar que a série descambe para a putaria e que a dramaticidade vá pro inferno, mas é no Rio, até então está bem fiel a realidade. Vejam o trailer e tirem suas conclusões.

caRIOcas Trailer from André Mello on Vimeo.

8 comentários:

baouzises disse...

putaria! se num ficar no porno! bem valido!(l world eh foda)

Ckreed disse...

é The L. Word, Baou, seu inglês nórdico erraaaaaa!

Diogo Oliveira disse...

"mas é no Rio, até então está bem fiel a realidade "

HAHAHAHAHAAHAHAHAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

Thiago MC disse...

Q coisa... será que por aqui consigo falar com vcs?? Hehehe!!!

Topam parceria com meu blog: www.santothiago.blogspot.com

T+

P.S. Eu gosto de L. World!!!

sapao318 disse...

opa...passo!!!

e eu topo tudo com o Thiago...!

Thiago MC disse...

Mais hein???? O.O'

Ckreed disse...

Como seria essa parceria, Thiago? Só topo se o Sapão participar também. Um é pouco, 2 é bom, 3 é uma loucura!

Thiago MC disse...

Oi Ckreed, por enquanto só colocar o blog como parceiros, o Sapão jah tah no meio (naum literalmente, hehehe) depois poderiamos fazer troca de posts, o q acha???

Toh reunindo um pessoal dos coments do MdM como Sapão, Mediocridade Radioativa, Uarevaa, vocês e por ae vai, tipo uma legião, heehe!!!