segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Enquanto "O Hobbit" não vem...


Você não precisa esperar até 2011 -ano de lançamento de "O Hobbit"- para assistir a um novo filme inspirado nas obras de Tolkien. Caso essa notícia lhe traga algum alívio, agradeça a uma turma de ingleses que, de graça e com a autorização dos detentores dos direitos autorais, dedica seu tempo a rodar longas baseados na Terra-Média. Em maio, um grupo amador lançou "The Hunt for Gollum", sobre as caçadas de Aragorn.
Em um mês, foram cerca de 2 milhões de espectadores (www.thehuntforgollum.com). Para dezembro quem prepara outra boa surpresa para os fãs do escritor é a trupe que vai colocar no site www.bornofhope.com, o longa de 60 minutos "Born of Hope" (nascido da esperança).
O filme conta a história de Arathorn e Gilraen, pais de Aragorn (um dos personagens principais de "O Senhor dos Anéis"). E foi inspirado não em um livro específico, mas nos apêndices da trilogia.
"Há ali milhares de nomes, lugares e histórias, como a que contamos em "Born of Hope'", Chris Dane afirma. Ele é um dos roteiristas e, também, o ator principal.
A escolha do enredo teve uma razão prática, afirma Dane. "Acho que os fãs teriam dificuldades em aceitar outro ator interpretando Aragorn."
Mas trilhar um caminho pouco explorado no universo tolkeniano teve suas agruras também. "Foi um desafio para mim, porque sabemos pouco sobre Arathorn", afirma o ator.
Outra dificuldade foi o orçamento, reunido basicamente a partir de doações de fãs. "Nem sempre foi possível filmar um trecho como estava escrito."
A julgar pela primeira cena do filme, a equipe contornou bem a falta de dinheiro. Os orcs com que Dane luta são assustadores o suficiente, pelo menos.
E ele se diverte: "É como ter 12 anos e correr pelo quintal jogando polícia e ladrão".

Um comentário:

Diogo Oliveira disse...

Esse fan film é foda demais!Altamente recomendado!